Tradutor

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

2 de set de 2011

Deus Perdoa Pecadores - W. E. Best - Capítulo 4 - O PERDÃO ETERNO DE DEUS Marcos 2:1-11Sou Perdoado - Paulo Junior



Deus Perdoa Pecadores
por
W. E. Best

Capítulo 4 - O PERDÃO ETERNO DE DEUS
Marcos 2:1-11



Estes são os três aspectos do perdão de Deus dos pecadores a quem Ele elegeu para a salvação: (1) perdão eterno, (2) perdão restaurador, e (3) perdão governamental. O perdão eterno ocorre na regeneração. O perdão restaurador está relacionado com aqueles que são eternamente perdoados – toda pessoa salva pela graça de Deus necessita de limpeza contínua. O perdão governamental é para os filhos de Deus que têm pecado e sidos restaurados à comunhão.
A condição de toda pessoa fora de Jesus Cristo é descrita em Efésios 2:1-3. Não obstante, Deus intervém e eternamente perdoa aqueles que Ele elegeu para salvação: “Mas Deus, que é riquíssimo em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou, estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos)” (Efésios 2:4,5). O fundamento para esse perdão é o sangue de Jesus Cristo (Efésios 1:7).
Davi, um filho de Deus, clamou ao Senhor por perdão restaurador, reconhecendo que ninguém pode estar na presença do Senhor se Deus observar as iniqüidades (Salmos 130:3). “Mas contigo está o perdão...” (Salmos 130:4). Notai, contudo, que o pecado não está necessariamente terminado quando é confessado e quando o pecador está restaurativamente perdoado. Davi cedeu a sua carne quando cometeu pecado com Batseba e mandou matar Urias; portanto, ele experimentou o perdão governamental. A espada nunca se apartou de sua casa (2 Samuel 12:10). Exatamente assim, embora o sangue de Jesus limpe de todo pecado, se uma pessoa semeia na carne, ela ceifará corrupção. “Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas o que semeia no Espírito, do Espírito ceifará a vida eterna” (Gálatas 6:8).
O Senhor Jesus tem o poder para perdoar pecado. Ele falou ao paralítico, dizendo, “perdoados estão os teus pecados” (Marcos 2:5). Os escribas sabiam que somente Deus poderia perdoar pecado, mas eles não reconheceram a deidade de Jesus Cristo (vv. 6,7). É belamente apropriada que a designação do Filho do homem seja usada nesta passagem: “o Filho do homem tem na terra poder para perdoar pecados...” (v. 10). O Salvador teve poder para perdoar pecados não somente como o Filho de Deus mas como o Filho do homem que veio a ser o Fiador dos eleitos. O Filho eterno de Deus assumiu uma natureza humana e lhe foi dado o título “Filho do homem”. Ele foi mais do que “um” filho do homem. Ele foi “o” Filho do homem. “Deus com sua destra o elevou a Príncipe e Salvador, para dar a Israel o arrependimento e a remissão dos pecados” (Atos 5:31). Jesus não livra o pecador por um exercício simples de Sua própria autoridade. Isto violaria as obrigações da lei e as demandas da justiça e da santidade. O Senhor Jesus Cristo pagou a penalidade pelo pecado. Ele cumpriu a lei e satisfez a justiça e a santidade.
Os escribas acusaram ao Senhor de blasfêmia (Marcos 2:7) porque não reconheceram que Ele era o Filho eterno de Deus. Porém, porque Jesus Cristo é o mediador entre Deus e o homem, Ele não foi blasfemo. Se Ele não tivesse sido divino, a acusação deles teria sido verdadeira. Para ajudar aos homens a fazer a tremenda equação entre o Homem Jesus Cristo e a Deidade, Cristo realizou um milagre para provar que Ele era o Deus-Homem.
Alguns erroneamente interpretam João 20:23 – “Àqueles a quem perdoardes os pecados lhes são perdoados; e àqueles a quem os retiverdes lhes são retidos”. Eles crêem que essa passagem ensina que alguns homens têm o poder para perdoar pecado. Uma pessoa deve observar a partir do contexto deste verso que o Senhor estava se dirigindo aos Seus discípulos antes que o Espírito Santo viesse em sua presença habitadora no dia de Pentecoste. Aos discípulos não foi lhes dado o poder para eficazmente ou automaticamente remitir pecado; eles podiam somente declarativamente remiti-lo. Nenhum homem jamais teve o poder para perdoar eficazmente ou autoritativamente pecado. Somente Deus o pode fazer. Sob a lei, o sacerdote somente pronunciava a limpeza de um leproso limpo. O sacerdote era o representante de Deus sobre a terra para declarar que Deus havia limpado o leproso. Da mesma forma, os ministros do Novo Testamento somente pronunciam que os pecados de um crente penitente foram perdoados pelo soberano Deus.
O perdão divino é o eterno e imutável plano de Deus. Ele não é um ato de simpatia excitada. O perdão do homem, por outro lado, é geralmente excitado por simpatia para com o ofensor.
O perdão divino é irreversível, sem limitação. Todo pecado que um Cristão pudesse cometer está abundantemente perdoado pelo Senhor. Em contraste com isto, o perdão do homem é limitado; não é um plano irreversível.
O perdão divino ocorre dentro de um crente – a graça opera uma mudança em seu coração. O perdão do homem, contudo, é externo ao ofensor.
Quando Deus perdoa, Ele esquece o pecado do homem perdoado. Com o homem, o esquecimento é um defeito; contudo, com Deus ele é um atributo. Deus nunca compara Seu perdão com o perdão humano. Em vez disso, a Escritura declara que Ele lança o pecado da pessoa perdoada para trás das Suas costas, tão longe como o oriente está do ocidente, e lança o pecado nas profundezas do mar (Salmos 103:12; Isaías 38:17; Miquéias 7:19). O perdão divino supera tanto o perdão humano que nenhuma analogia humana o pode ilustrar.
Não lembrança de pecado implica em perdão disso: “de seus pecados e de suas prevaricações não me lembrarei mais” (Hebreus 8:12). O perdão de Deus é tão completo que Ele o descreve como não lembrando o pecado, as iniqüidades e as transgressões do homem perdoado. Com Ele o perdão é equivalente ao esquecer o pecado de uma pessoa. Ele não guarda lembrança dele em Sua mente; Ele não pensa sobre os pecados de Seu povo. Sua iniqüidade é removida, e o justo Juiz não tem memória judicial dele.
O homem, contudo, exercita sua memória para meditar sobre as coisas assentadas em sua mente. Ele pode quase esquecer uma certa coisa, mas então, algum incidente ocorre e ele traz o evento de volta a sua mente.
O perdão divino significa que Deus nunca buscará alguma expiação adicional: “Ora, onde há remissão destes, não há mais oblação pelo pecado” (Hebreus 10:18). Deus nunca castigará novamente o que Ele já castigou. O que Ele esqueceu, não pode ser relembrado.
Aqueles que não sustentam a teologia Bíblica dizem que qualquer pai perdoaria seu filho. Esta declaração está baseada num conceito mal entendido e mal aplicado da paternidade de Deus e da irmandade do homem. Duas falhas são evidentes nesta visão liberal. Primeiro de tudo, Deus não é o Pai de todos os ímpios rebeldes que estão pecando. Segundo, Deus é mais do que um Pai criativo de indivíduos.
Um ser privado pode perdoar um erro privado, irrespecitvamente do assentamento de juízo. Contudo, Deus é o grande Governador público do universo. O pecado contra Seu governo não pode ser perdoado aparte de sacrifício. O perdão não indica remissão de castigo. Jesus Cristo foi castigado no lugar dos elegidos nEle. Ele se tornou o Fiador para aqueles que o Pai Lhe deu no pacto da redenção.
Todo recipiente da graça sabe que o perdão de Deus é aquele da reconciliação. As Escrituras não afirmam que Deus perdoa porque Ele é amoroso e misericordioso. Elas testificam que Ele é fiel e justo, e Ele perdoa sobre esta base. A justiça de Deus deve ser satisfeita, e é satisfeita na Pessoa do Senhor Jesus Cristo. Deus perdoa em amor porque Ele perdoa em justiça.
O perdão gracioso harmoniza com a ira do Soberano. O pecado deve ser castigado, e a ira de Deus deve ser derramada. Jesus Cristo foi feito uma oferta pelo pecado; Ele esteve no lugar de pecadores, sofrendo o justo castigo deles.
O perdão da graça harmoniza com o amor do Santo Pai. Visto que a justiça foi satisfeita no sacrifício de Cristo, o amor pode ser estendido aos eleitos de Deus, e a misericórdia pode operar para trazê-los a Cristo.
O verbo grego para perdão significa enviar adiante ou enviar para fora. O substantivo grego indica demissão ou liberação. O perdão divino capacita o crente saber, com plena segurança da fé, que seus pecados são perdoados. Abraão, Davi e Ezequias são três santos do Antigo Testamento que sabiam que seus pecados foram eternamente perdoados (veja Romanos 4; Salmos 32; Isaias 38).
Da mesma forma, todo pecador arrependido pode saber que seus pecados foram perdoados. A graça de Deus reina, e as riquezas da graça são demonstradas no divino perdão. Ele é absolutamente perfeito. O seguinte o faz assim: (1) O pecador arrependido é perdoado completamente. (2) Ele é livremente perdoado. (3) Ele é eternamente perdoado. (4) O perdão se estende a todos por quem Cristo morreu. (5) O perdão é pela fé, sem nenhuma condição executada pelo pecador. (6) Ele é absolutamente irreversível. Um pecador que sabe que ele foi eternamente perdoado, evitará o antinomismo. Ele deseja agradar a Deus e não a si mesmo.

Tradução livre: Felipe Sabino de Araújo Neto


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marcadores

(I Pedro 5:8) (1) 1 Coríntios (3) 1 Pedro (1) 1Pedro (1) 2 Pedro (2) A (1) A palavra da Cruz é Loucura (3) A Parábola do Rico e Lázaro (1) a Semente e os Solos (1) A Volta de Jesus (4) A. W. Tozer (36) A.W Pink (2) Abandonado (1) Aborto (9) Adoração (18) Agostinho (1) Aids (1) Alegria (22) Aliança (1) Alívio (1) Almas (17) Amarás o Próximo (1) Amargura (1) Amém (3) Amizade (5) Amor (70) Anátema (1) Angústia (2) Animais (1) Anjos (3) Anorexia (1) Ansiedade (5) Anticristo (2) Antidepressivo (1) Antigo Testamento (1) Apocalipse (10) Apostasia (5) Apóstolo Paulo (4) Arca de noé (2) Arrebatamento (3) Arrependimento (22) Arrogância (1) Arthur W. Pink (5) As Igrejas de todos os Tipos e para todos os Gostos (1) Ateísmo (4) Ateus (5) Augustus Nicodemus (2) Autoridade (4) Avareza (1) Aviso (2) Avivamento (10) Batalha Espiritual (7) Batismo (4) Bebida Alcóolica (1) Benção (2) Bíblia (49) Boas Novas (1) Bullying (1) Cálice (2) Calvinismo (2) Campanhas no Facebook (1) Cansado (1) Caráter (4) Carnal (1) Carnaval (2) Carne (11) Carta de Deus e do Inferno (2) Carter Conlon (1) Casamento (32) Castigo (1) Catolicismo.Religiao (1) Céu (14) Chamados ao primeiro amor (5) Charles Haddon Spurgeon (274) Cigarro (1) Circo ou Igreja? (1) Cirurgia Plástica (1) Citações Redes Sociais (2) Clodoaldo Machado (1) Cobiça (1) Comunhão (4) Comunidade no Orkut (1) Conhecendo as Histórias da Bíblia (1) Conhecimento (2) Consciência (2) Consolador (3) Copa do Mundo (1) Coração (31) Coragem (4) Corra (1) Corrompidos (1) Cosmovisão Cristã (1) Crer em Jesus (3) Criação (3) Criança (7) Cristãos (60) Cristianismo (19) Cristo (85) Crucificaram (1) Cruz (29) Culto (2) Cultura (4) Cura (6) David Wilkerson (43) Demônio (4) Dennis Allan (23) Denominações (1) Dependência (2) Depravação Humana (11) Depressão (6) Desanimado e fraco (11) Descanso (1) Desejo (1) Desenhos para Crianças (9) Deserto (1) Desigrejados (1) Desonra (1) Desprezado e Rejeitado (3) Desviado (5) Deus (328) Devoção (1) Diabo (9) Dinheiro (11) Discernimento (1) Discipulado (7) Discípulos Verdadeiros (4) Divórcio (9) Divulgue esse Blog (2) Dízimos e Ofertas (3) Dons Espirituais (1) Dor (6) Dores de Parto (1) Doutrinas (5) Dr J.R (1) Drogas (1) Dúvidas (1) Eclesiastes (1) Ego (1) Enganados (1) Envelhecer com Deus (1) Equilibrio (1) Errando (2) Escolha (2) Escolhidos De Deus (10) Escravo por Amor (2) Esforço (1) Esperança (8) Espíritismo (1) Espirito Santo (27) Espirituais (35) Estudo da Bíblia (257) Estudo Livro de Romanos por John Piper (17) Estudo Livro de Rute por John Piper (5) Eternidade (10) Eu Não Consigo (1) Evangelho (76) Evangelho da Prosperidade (13) Evangelho do Reino (1) Evangelismo (5) Evangelizar pela Internet (7) Evolução (1) Exaltação (1) Êxodo (1) Exortação (3) Ezequiel (1) Falar em Linguas (3) Falsos Profetas(Enganação) (17) Família (16) Fariseus (3) (49) Felicidade (6) Festas do Mundo (1) Festas juninas(São João) (1) Fiél (3) Filmes Bíblicos (43) Finais dos Tempos (11) Força (1) Fruto (8) Futebol (1) Gálatas (1) George Müller (1) George Whitefield (2) Glória (44) Graça (47) Gratidão (3) Guerra (4) Hebreus (1) Heresias (3) Hernandes Lopes (110) Hinos (1) Homem (46) Homossexual (6) Honra (1) Humanismo (1) Humildade (9) Humilhado (8) Idolatria (12) Idoso (1) Ignorância (1) Igreja (79) Ímpios (1) Incentivo (1) Incredulidade (2) Inferno (8) Ingratidão (2) Inimigo (2) Inquisição Católica (1) Intercessão (1) Intercessor (1) Intervenção (9) Intimidade (1) Inutéis (1) Inveja (1) Ira (12) Isaías (1) J. C. Ryle (9) James M. Boice (1) Jejum (4) Jeremias (2) Jesus (88) (1) João (4) João Calvino (145) Jogos VIDEO GAMES (2) John Owen (15) John Pipper (587) John Stott (28) John Wesley (1) Jonathan Edwards (92) José (1) Joseph Murphy (1) Josué Yrion (8) Jovens (15) Julgamento (20) Justiça (2) Lave os pés dos seus irmãos Vá em busca dos perdidos e fale do amor de Deus (1) Leão da Tribo de Judá (1) Legalismo vs. Bem-Aventuranças (1) Leonard Ravenhill (52) Liberdade (10) Língua (5) Livre arbítrio (10) Livros (67) Louvor (4) Lutar (7) Maçonaria e Fé Cristã (1) Mãe (2) Mal (18) Maldições Hereditárias (3) Manifestações Absurdas (2) Marca da Besta (1) Mártires (5) Martyn Lloyd-Jones (173) Masturbação (2) Mateus (2) Maturidade (2) Médico dos Médicos (1) Medo (2) Mefibosete (1) Mensagens (372) Mentira (8) Milagres (2) Ministério (10) Misericórdia (13) Missão portas abertas (21) Missões (27) Missões Cristãos em Defesa do Evangelho (1) Monergismo (1) Morrendo (12) Morte (43) Morte de um ente querido que não era crente (1) Mulher (11) Mulheres pastoras (2) Mundanismo (3) Mundo (28) Murmuração (3) Músicas (38) Músicas nas Igrejas.Louvor (8) Namoro ou Ficar (12) Natal (4) Noiva de Cristo (2) Nosso Corpo (1) Novo convertido (10) Novo Nascimento (11) O Semeador (1) O Seu Chamado (13) Obediencia (8) Obras (15) Obreiros (2) Observador (2) Oração (67) Orgulho (10) Orgulho Espiritual (1) Orkut (1) Paciência (7) Pai (1) Pais e Filhos (21) Paixão (3) Paixão de Cristo (2) Parábola Filho Pródigo (2) Parábolas (9) participe do nosso grupo e curta nossa página! (1) Páscoa (1) Pastor (18) Paul Washer (216) Paulo Junior (239) Paz (4) Pecado (106) Pecadores (12) Pedofilia (2) Perdão (16) perse (1) Perseguição (13) Pobre (4) Poder (18) Por que tarda o pleno Avivamento? (3) Pornografia (8) Porque Deus permite o sofrimento dos inocentes (2) Porta Estreita (2) Pregação (24) PREGAÇÕES COMPLETAS INTRODUÇÃO ESCOLA DE OBREIROS (1) Profecias (3) Profetas (3) Prostituição (2) Provação (2) Provar o Evangelho Para Aqueles que Não acreditam Na Bíblia (1) Provérbios (1) Púlpito (3) Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma (1) R. C. Sproul (29) Realidade (1) Rebelde (1) Redes Sociais (2) Reencarnação (2) Refletindo Sobre Algumas coisas (1) Reforma e Reavivamento (1) Reforma Protestante (3) Refúgio (2) Regeneração (16) Rei (3) Relativismo (1) Religião (7) Renúncia (2) Ressuscitou (5) Revelação (1) Ricardo Gondim (1) Richard Baxter (7) Rico (12) Romanos (20) Roupas (1) Rupert Teixeira (4) Rute (5) Sabedoria (12) Sacrifício (3) Salvação (45) Sangue de Cristo (3) Santa Ceia (2) Santidade (34) Satanás (15) Secularismo (1) Segurança Completa (1) Seitas (3) Semente (1) Senhor (10) Sensualidade (2) Sermão da Montanha (2) Servos Especiais (4) Sexo (8) Sinais e Maravilhas (2) Soberba (1) Sofrimento (24) Sola Scriptura (1) Sola Scriptura Solus Christus Sola Gratia Sola Fide Soli Deo Gloria (4) Soldado (1) Sozinho (3) Steven Lawson (12) Submissão (1) Suicídio (2) Televisão um Perigo (8) Temor (4) Tempo (5) Tentação (9) Teologia (2) Teologia da Prosperidade (4) Tesouro que foi achado (4) Tessalonicenses 1 (1) Testemunhos (29) Thomas Watson (17) Tim Conway (38) Timóteo (1) Todo homem pois seja pronto para ouvir tardio para falar tardio para se irar Tiago 1.19 (1) Trabalho (2) Tragédia Realengo Rio de Janeiro (2) Traição (4) Transformados (1) Trevas e Luz (2) Tribulação (10) Trindade (2) Tristeza (5) Trono branco (2) Tsunami no Japão (2) tudo (231) Uma Semente de Amor para Russia (1) Unção (3) Ungir com Óleo (1) Vaidade (3) Vaso (2) Velho (1) Verdade (30) Vergonha (3) Vestimentas (1) Vícios (6) Vida (39) Vincent Cheung (1) Vitória (5) Vontade (1) Votação (1) Yoga (1)

Comentários:

Mensagem do Dia

O homem, cujo tesouro é o Senhor, tem todas as coisas concentradas nEle. Outros tesouros comuns talvez lhe sejam negados, mas mesmo que lhe seja permitido desfrutar deles, o usufruto de tais coisas será tão diluído que nunca é necessário à sua felicidade. E se lhe acontecer de vê-los desaparecer, um por um, provavelmente não experimentará sensação de perda, pois conta com a fonte, com a origem de todas as coisas, em Deus, em quem encontra toda satisfação, todo prazer e todo deleite. Não se importa com a perda, já que, em realidade nada perdeu, e possui tudo em uma pessoa Deus de maneira pura, legítima e eterna. A.W.Tozer

"A conversão tira o cristão do mundo; a santificação tira o mundo do cristão." JOHN WESLEY"

Minha foto

Darliana+ Missões Cristãos em Defesa do Evangelho+✿Apenas uma alma que foi resgatada através da graça e misericórdia de Deus,Dai de graça o que de graça recebeste' (Mt. 10,8). Latim para estar em consonância com as cinco teses que dão sustentação ao “pensamento”e à vida do genuíno cristão reformado: sola scriptura,sola gratia, sola fide,solus christus, soli deo gloria. E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará." (João 8 : 32) "Um cristão verdadeiro é uma pessoa estranha em todos os sentidos." Ele sente um amor supremo por alguém que ele nunca viu; conversa familiarmente todos os dias com alguém que não pode ver; espera ir para o céu pelos méritos de outro; esvazia-se para que possa estar cheio; admite estar errado para que possa ser declarado certo; desce para que possa ir para o alto; é mais forte quando ele é mais fraco; é mais rico quando é mais pobre; mais feliz quando se sente o pior. Ele morre para que possa viver; renuncia para que possa ter; doa para que possa manter; vê o invisível, ouve o inaudível e conhece o que excede todo o entendimento." A.W.Tozer✿

Postagens Populares

Bíblia OnLine - Leitura e Audio

Bíblia OnLine - Leitura e Audio
Alimentar-se da Palavra "Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração." (Hebreus 4 : 12).Erram por não conhecer as Escrituras, e nem o poder de Deus (Mateus 22.29)Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo. Apocalipse 1:3

Feed: Receba Atualizações Via Email

Coloque o seu endereço de email e receba atualizações e conteúdos exclusivos:

Cadastre seu E-mail.Obs.: Lembre-se de clicar no link de confirmação enviado ao seu e-mail.